0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Vulnerabilidade é sinonimo de fraqueza?

Somos seres naturalmente vulneráveis…A vulnerabilidade é praticamente uma característica natural.

Porém, infelizmente, aprendemos a mascarar isso, achando que é o mais seguro a se fazer.

No momento em que tentamos nos mascarar, nos “ proteger”, estamos na verdade, cortando os laços com nossa essência, cortando o laço com o sentido da vida, com o real significado de VIVER.

Acreditando que a vulnerabilidade é um sinonimo de fraqueza (basta procurar o significado dessa palavra no dicionário)…

…criamos um muro que nos separa do resto do mundo e, com isso, nos impossibilita de sentirmos, termos empatia e nos expressarmos.

Por achar que a vulnerabilidade é algo ruim…

…guardamos à sete chaves todos aqueles sentimentos mais intensos que cultivamos no âmago do nosso ser, seja ele amor, raiva, tristeza, até as alegrias…

…é, como uma bexiga de ar onde todas essas emoções vão enchendo essa bexiga e…

…o que acontece quando se enche uma bexiga mais do que ela pode suportar?

A vulnerabilidade, muito pelo contrário do que dizem por aí, nos permite:

                      viver de verdade;

                          viver quem realmente somos;

                                 sentir nossos sentimentos verdadeiros;

                                              PERMITE NOS PERMITIR!

E, quando digo isso, me refiro a qualquer tipo de sentimento.

Se não chorarmos tudo aquilo que nos faz mal, sempre que outros sentimentos tomarem nosso Ser, haverá aquele resquício do sentimento ruim, MAS QUE PRECISOU SER VIVIDO, amargando o gosto doce do novo sentimento.

E, quando digo chorar, não me refiro somente e exclusivamente ao ato de chorar.

Cada um “chora” à sua maneira,

          seja indo conversar com a pessoa que te magoou,

            seja pedindo desculpas por ter magoado alguém, 

               seja discutindo com alguém para depois fazer as pazes,

                  seja dando um basta a alguma situação que não te faz bem,

                      seja pedindo demissão do emprego que você não gosta,

                                                                seja dizendo NÃO!

O mesmo acontece com sentimentos bonsinconscientemente, quando estamos explodindo de felicidade, automaticamente nos vem um pensamento que nos diz “contenha-se! Melhor não se expor tanto assim…”

OU, pior, um súbito de felicidade nos domina, saímos por aí saltitando aos 4 ventos e, quando a “sanidade” volta, pensamos: “ ai, acho que exagerei, não devia ter publicado à tanta gente esse meu momento feliz… vai que dá errado” e, imediatamente um sentimento de culpa toma o nosso ser e faz com voltemos ao calabouço… lá as coisas são mais seguras…

Acontece que, assim como muitasss outras coisas, fomos, ao longo da vida, ensinados que ser vulnerável é um sinal de fraqueza.

Quando chegamos nesse mundo, somos os seres mais vulneráveis que pode existir,

choramos por qualquer coisa

 sorrimos para qualquer um que nos faz uma graça

  adormecemos no colo de quem aparecer

   caímos e nos machucamos milhares de vezes

    nos apaixonamos perdidamente

     brigamos por causa de um álbum de figurinhas

      batemos nos nossos coleguinhas e dali 5 muitos estamos indo tomar um lanche juntos

       falamos aos adultos a primeira coisa que vem à cabeça

        desenhamos, pintamos, dançamos, cantamos…sem nos importar se está certo, bonito, no tom ou coerente…

                                                                         somos altamente vulneráveis!!

Mas aí, por algum motivo desconhecido, ao longo da vida (e, as vezes ainda crianças) isso tudo se perde…

Porém, segundo Prem Baba, “ o momento mais escuro da noite é aquele que antecede a chegada da luz

Então, meus queridos, bóra esvaziar essa bexiga??

Ser vulnerável é lindo e, só tem a ver com você e você mesmo:) Dance, cante, grite chore, brigue, ria, sorria, gargalhe, erre, acerte, demita-se, admita-se, VIVA! E, faça tudo isso sem olhar para trás e sem olhar para os lados, não tem ninguém te vendo, só vai!!!

A vida está aí para ser vivida e ser vivida com propósito! E, para viver seu propósito, você precisa VIVER!!!

Seja feliz, amo vocês!

Siga-nos no instagran (link no ícone)

  e facebook (link no ícone)

POSTAMOS INFORMAÇÕES E REFLEXÕES BACANAS QUASE QUE DIARIAMENTE! 😉

Inspiração nos Livros ” Propósito – A coragem de ser quem somos” ~Sri Prem Baba e ” A coragem de ser Imperfeito” ~Brené Brown.

Segue links para compra 🙂

7 Comments

  1. cleber fevereiro 2, 2018 at 1:29 pm

    wow mari!😀
    concordo em gênero, número e grau.
    aceitar a vulnerabilidade, é um lindo caminho para a liberdade.
    excelente post, parabéns!👏👏👏

    Reply
    1. Mariana fevereiro 18, 2018 at 11:38 am

      Gratidão, querido!

      Reply
  2. Ana Regina fevereiro 2, 2018 at 5:05 pm

    Muito bom!

    Reply
  3. Paty fevereiro 15, 2018 at 2:36 am

    Para refletir. Muito bom!

    Reply
    1. Mariana fevereiro 18, 2018 at 11:37 am

      S2

      Reply
  4. Pingback: Você é bom o suficiente? | Viver com Intenção

  5. Pingback: Você é bom o suficiente? Ou e comum sempre se auto sabotar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *